Real Madrid terá acordo total com Eden Hazard e com o seu representante, para a contratação do avançado belga do Chelsea. Faltará, agora, convencer o clube inglês.

Segundo o programa "El Partido de la Una", da rádio "Onda Madrid", Hazard já terá a certeza de que, seja em janeiro ou no verão, será jogador do Real Madrid em 2019, realizando assim um sonho de menino. O Chelsea pede 170 milhões de euros pelo extremo de 27 anos, valor que os espanhóis não estão dispostos a pagar, mas há alternativas.

Para baixar o preço da operação, como parte do "pacote Hazard", poderá entrar Mateo Kovacic. O médio croata está emprestado ao Chelsea e tem sido peça importante na estratégia de Maurizio Sarri, treinador dos "blues". A opção de compra está fixada nos 80 milhões de euros. Se fosse incluído nas negociações por Hazard, o preço de ambos baixaria.

Caso o Chelsea não queira incluir Kovacic na operação, o Real Madrid tem outra opção: Marco Asensio. O extremo espanhol, de 22 anos, é um dos grandes jovens talentos do futebol mundial, no entanto, esta época, tem revelado dificuldades para se afirmar no Santiago Bernabéu.

De qualquer forma, a partir de junho, restará a Hazard apenas um ano de contrato com o Chelsea e, segundo a "Onda Cero", tem recusado renovar, a pedido do Real Madrid. Quer isto dizer que, caso não renove, a partir de janeiro de 2020, o internacional belga poderá assinar por qualquer outra equipa a custo zero. Assim, o Chelsea não tem muito espaço de manobra.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.